Bar Luiz realiza exposição de Heitor dos Prazeres

Bar Luiz realiza exposição de Heitor dos Prazeres

setembro 24, 2019 0 Por Juliana Fiúza

Bar Luiz realiza exposição de Heitor dos Prazeres inaugurada ontem, no salão do bar.

Após intensa semana que seguiu o anúncio de que fecharia as portas, o Bar Luiz começa inovando para atrair mais clientes, depois de ter triplicado o faturamento e informado que iria resistir. Ontem, 23 de setembro, foi inaugurada a exposição de Heitor dos Prazeres, no salão do bar, com ajuda do Otto.

Heitor dos Prazeres

Heitor dos Prazeres
Heitor dos Prazeres

Nascido no Rio de Janeiro, em 1898, além de compositor, também foi um talentoso pintor. Filho de um marceneiro e clarinetista da banda da Guarda Nacional, e de uma costureira, ficou órfão de pai aos sete anos de idade.

Aos doze anos começou a trabalhar como engraxate, jornaleiro e lustrador, constantemente em companhia do tio Hilário, além de frequentar a casa das tias baianas, Ciata e Esther, onde conheceu músicos como Donga, João da Baiana, Sinhô, Pixinguinha, Paulo da Portela entre outros.

Aos treze anos foi preso por vadiagem em Ilha Grande, apesar de ocupar grande parte do seu tempo realizando bicos. Foi amigo de Ismael Silva, Nilton Bastos e Cartola, participou, inclusive, da fundação de escolas de samba como Mangueira, Portela e Deixa Falar (antiga Estácio de Sá).

Moenda de Heitor dos Prazeres
Moenda de Heitor dos Prazeres

Por volta de 1937 passa a dedicar-se à pintura, alcançando em 1951 o terceiro lugar de artistas nacionais na 1º Bienal Internacional de São Paulo, com o quadro “Moenda”. Ganha uma sala especial na 2º Bienal Internacional de São Paulo, em 1953. Cria cenários e figurinos para o Balé do IV Centenário da Cidade de São Paulo, e em 1965, Antônio Carlos Fontoura produz um documentário sobre sua obra. Em 1999 foi realizada uma mostra retrospectiva no Espaço BNDES e no Museu de Belas Artes (MNBA), em comemoração de seu nascimento.

As obras de Heitor dos Prazeres estão disponíveis do site do Itaú Cultural e você pode conferir a galeria pessoal do pintor acessando aqui.

A Exposição

A exposição marca o aniversário de nascimento do artista e a abertura contou com a presença do filho do pintor, Heitor dos Prazeres Filho. As obras da exposição pertencem ao acervo pessoal de Otto Grunewald, o Otto. Parte das obras estarão a venda e 30% dos valores arrecadados serão doados por ele como forma de contribuir com o Bar Luiz.

Além das obras originais, também estarão a venda reproduções em pequenas tiragens, juntamente com 1 CD e 1 DVD do artista, por valores acessíveis, além de alguns exemplares do livro, em capa dura, de Heitor dos Prazeres, publicado pela Folha.

A exposição vai do dia 23 de setembro ao dia 4 de outubro, durante o horário de funcionamento do bar.